21 de fev de 2010

COLHEMOS AQUILO QUE PLANTAMOS


Você sempre colhe o que planta

Uma das grandes verdades que temos é que definitivamente colhemos o que plantamos. Nem mais nem menos. Se você fizer o bem, pensar nos outros, apoiar os outros e fizer por merecer, certamente você receberá em troca. Talvez não das pessoas que você imagina, mas muitas vezes de quem você menos espera.
Mas o que mais importa é você ter a consciência de que tudo tem o seu retorno.
Da mesma forma que se o caminho não for legal, o retorno vem e às vezes em uma velocidade inimaginável.
Mesmo nós sendo os donos dos nossos próprios caminhos, nunca devemos esquecer que ao longo do nosso tempo, interagimos com muitas pessoas e vivenciamos muitas circunstâncias e estas fazem parte de nós e de nossa história.
Tudo conta. Da mesma forma as mudanças que você faz ao longo de sua carreira alinham os retornos que você terá a frente.
No mundo dos negócios, plantar significa sem sombra de dúvida colher.
Se você se preparar bem, entender o que é importante para fazer acontecer, for competente, estiver sempre disposto a resolver e apoiar os outros em todos os momentos, então você colherá.
Não é idealismo, é a realidade: somos o que plantamos; e nada melhor do que o resultado do que somos no “agora” para demonstrar isso.
Se você esperar para plantar, nunca colherá.
Se você esperar por fazer diferente, nunca colherá.
Se você esperar pelos outros, nunca colherá.
Você não colherá um bom caminho, se assim permanecer.
Faça o seu caminho ser o melhor para você mesmo, entendendo que só você pode fazê-lo acontecer.
Avalie o que se passou até agora e pondere seus resultados e experiências. Vale a pena parar, refletir e agir.
Se você entende que está bem, então aplique a melhoria contínua.
Se você entende que não está bem, então mude.
Cada um sabe muito bem o que colheu até agora.
A grande questão é o que cada um quer colher daqui para frente.
Como sempre, quem escolhe e colhe é você.


Fonte - http://www.baguete.com.br/colunasDetalhes.php?id=1969


=======================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu