31 de jan de 2010

A verdadeira propriedade

(( Por Sergio Vencio ))


Diz uma antiga lenda budista que uma Rei andava pelos campos com o príncipe herdeiro, então uma criança de 10 anos de idade. Mostrava a ele todo o reino. Este, encantado com tanta coisa, pergunta ao Pai :

- Pai, tudo isso é seu ?

O Rei então responde – Não filho, só peguei emprestado de você.

Vivemos em um mundo movido pelo dinheiro. A maior aspiração da humanidade é ficar extremamente rica, e de preferência, rapidamente, com o menor esforço possível. Ao longo dessa caminhada, nem sempre muito ética, vamos deixando pra trás valores simples e saudáveis e nos apegando a coisas supérfluas, que nos afastam do nosso verdadeiro destino e pior, nos fazem perder a saúde física e mental. Essa corrida impensada atrás do dinheiro, nos faz viver como se nunca fossemos morrer, e morrer como se nunca tivéssemos nascido. (Dalai Lama)

O espiritismo nos explica que a nossa verdadeira propriedade está nos nossos conhecimentos, nos sentimentos vivenciados e situações experienciadas.

Se refletirmos um pouco chegaremos rapidamente a algumas conclusões :

- Verdadeiramente não possuímos nada nesse mundo. Vejamos quantas fortunas foram dilapidadas, quantas famílias milionárias perderam tudo num piscar de olhos. Além do mais, diz a célebre frase – “Caixão não tem gaveta!”

- Pense no seu corpo físico. Ele não é você! Ele nem chega a ser seu. Você o pegou emprestado das substâncias do planeta Terra que sua mãe ingeriu pela alimentação, e você devolverá essas substâncias quando desencarnar. Ele é uma roupa perfeita, extremamente bem construída, que você temporariamente utiliza para se manifestar nesse plano físico. Cabe a você cuidar dele o melhor que puder, mas um dia ele fatalmente volverá ao manancial terráqueo.

- Nossos Pais e filhos. Eles também não são nossos! Por mais incomodo que seja isso, eles são criaturas independentes, que em outras vidas tiveram outras personalidades, e que nessa vida precisam evoluir tanto quanto você, e para isso vão sofrer, vão adoecer e um dia vão desencarnar, como todos nós.

Refletindo sobre isso chegamos a conclusão de que a única propriedade verdadeira é aquela que não enxergamos. Tudo que for palpável, não pode ser uma propriedade eterna, eu simplesmente estou utilizando-a temporariamente.

Nossos sentimentos, esses sim, nós os carregamos e eles são nossos. O prazer que tenho em conversar com um amigo, o amor que sinto pelos meus entes queridos, a felicidade de estar junto aos nossos quando eles necessitam, a alegria de poder ajudar ao próximo e me manter no caminho da evolução crística...

A vida passa muito rápido, e é formada de pequenas coisas, de lembranças, de situações cotidianas, que nos deixam mais ou menos integrados com a espiritualidade superior. Ela deve ser um exercício contínuo de desapego. Desapegar-se do dinheiro, das posses, da pose, de cargos, de pessoas que nos escravizam, desapegar-se do próprio sofrimento, e assumir aquilo que temos de melhor, deve ser a nossa orientação.

Vamos acumular dinheiro celestial, que é o amor. Essa moeda é a única capaz de pagar nossas despesas no plano espiritual, e nós a obtemos abundantemente quando passamos a enxergar todas as situações como sendo importantes para nos melhorarmos e para ajudar ao próximo mais próximo. Jesus dizia que a casa do meu Pai tem muitas moradas. Qual morada você quer escolher para sua próxima vida?

29 de jan de 2010

Photobucket

28 de jan de 2010

SEU MAIOR TESOURO

Diz a lenda que, certa vez, um homem caminhava pela praia numa noite de lua cheia.
Pensava desta forma :
Se tivesse uma casa grande, seria feliz.
Se tivesse um excelente trabalho, seria feliz.
Se tivesse uma companheira perfeita, seria feliz.
Nesse momento, tropeçou com uma sacolinha cheia de pedras e começou a jogá-las, uma a uma, no mar, a cada vez que dizia :
seria feliz se tivesse...
Assim o fez até que a sacolinha ficou com uma só pedrinha, que decidiu guardá-la.
Ao chegar em casa, percebeu que aquela pedrinha tratava-se de um diamante muito valioso.
Você imaginou quantos diamantes jogou no mar, sem parar para pensar ?
Quantos de nós vivemos jogando fora nossos preciosos tesouros por estar esperando o que acreditamos ser perfeito ou sonhando e desejando o que não temos, sem dar valor ao que temos perto de nossas mãos ?

Olhe ao seu redor e, se você parar para observar, perceberás quão afortunado você é. Muito perto de ti está tua felicidade.
Observe a pedrinha, que pode ser um diamante valioso.
Cada um de nossos dias pode ser considerado um diamante precioso e insubstituível.
Depende de nós aproveitá-lo ou lançá-lo ao mar do esquecimento para nunca mais recuperá-lo.


A.D


=================================

27 de jan de 2010

TENHA FÉ...

Obstáculos da Vida!!! Tenha Fé!!

(É bem pequenininho... Vale a pena ler)

Um rapaz pediu a Jesus um emprego, e uma mulher que o amasse muito.
No dia seguinte, abriu o jornal e tinha um anuncio de emprego.
Ele foi, viu a fila muito grande e disse:eles são melhores do que eu, e foi
embora.
No caminho, um garoto lhe deu uma rosa ....no ônibus ele chateado joga a
rosa fora .
E ao chegar em casa briga com Jesus
....É assim que me tratás?
...É assim que me amas ?
E vai dormir. Em sonho Jesus lhe diz: O emprego era seu, mas vc ñ confiou
e desistiu antes mesmo de lutar; aquela rosa foi eu que te dei ...inspirei
aquela criança a lhe dar!!! O amor da sua vida, estava sentada ao seu lado
em vez de vc dar a rosa a ela vc a jogou fora.
Vc entendeu como Jesus age na sua vida?
Ele abre as portas te mostra o caminho mas a tua fé é tão pouca que
desiste no primeiro obstáculo. Não desista confie que Jesus pode agir na
sua vida.
Os obstáculos existem para ver até onde vai a tua fé. Passe adiante, isso
já será um sinal que Jesus está agindo em sua vida!!!

Recebemos do amigo Vilmar - BA


=====================================

26 de jan de 2010

CONTROLE

Você controla algumas das ferramentas mais poderosas já criadas. Estique sua mão, pegue um lápis e repare como você tem o controle completo das suas ações.
Pense na última vez que saiu para jantar com um amigo, e repare como consegue controlar seus pensamentos.
Fale ''''hoje o dia está repleto de oportunidades'''', e entenda que você tem controle completo sobre as coisas que diz.

Com estas mesmas ferramentas – pensamentos, ações e palavras – muitas pessoas criaram vastas fortunas, construíram cidades, produziram obras imortais de arte e literatura.
Outras usaram essas mesmas ferramentas para o mal – muitas mais ainda simplesmente não fizeram nada e desperdiçaram suas oportunidades.

Seus maiores triunfos e seus maiores arrependimentos virão das coisas que você pensa, diz e faz – não das circunstâncias que a vida lhe apresenta, mas sim como você usa essas ferramentas quando as circunstâncias se apresentam.

Então pratique esse controle com cuidado, com propósito, com direção.
A cada momento, todos os dias, é você que está no controle.
Pense como se tivesse o controle, fale como se tivesse o controle, aja como se tivesse o controle – porque você certamente o tem.

Ralph Marston

=============================

25 de jan de 2010

TALVEZ

Talvez eu venha a envelhecer rápido demais.
Mas lutarei para que cada dia tenha valido a pena.
Talvez eu sofra inúmeras desilusões no decorrer de minha vida. Mas farei que elas percam a importância diante dos gestos de amor que encontrei.
Talvez eu não tenha forças para realizar todos os meus ideais.
Mas jamais irei me considerar um derrotado.
Talvez em algum instante eu sofra uma terrível queda.
Mas não ficarei por muito tempo olhando para o chão Talvez um dia o sol deixe de brilhar.
Mas então irei me banhar na chuva.
Talvez um dia eu sofra alguma injustiça.
Mas jamais irei assumir o papel de vítima.
Talvez eu tenha que enfrentar alguns inimigos.
Mas terei humildade para aceitar as mãos que se estenderão em minha direção.
Talvez numa dessas noites frias, eu derrame muitas lágrimas.
Mas não terei vergonha por esse gesto.
Talvez eu seja enganado inúmeras vezes.
Mas não deixarei de acreditar que em algum lugar alguém merece a minha confiança.
Talvez com o tempo eu perceba que cometi grandes erros.
Mas não desistirei de continuar trilhando meu caminho.
Talvez com o decorrer dos anos eu perca grandes amizades.
Mas irei aprender que aqueles que realmente são meus verdadeiros amigos nunca estarão perdidos.
Talvez algumas pessoas queiram o meu mal.
Mas irei continuar plantando a semente da fraternidade por onde passar.
Talvez eu fique triste ao concluir que não consigo seguir o ritmo da música.
Mas então, farei que a música siga o compasso dos meus passos.
Talvez eu nunca consiga enxergar um arco –íris. Mas aprenderei a desenhar um, nem que seja dentro do meu coração.
Talvez hoje eu me sinta fraco.
Mas amanhã irei recomeçar, nem que seja de uma maneira diferente.
Talvez eu não aprenda todas as lições necessárias.
Mas terei a consciência que os verdadeiros ensinamentos já estão gravados em minha alma. Talvez eu me deprima por não ser capaz de saber a letra daquela música.
Mas ficarei feliz com as outras capacidades que possuo.
Talvez eu não tenha motivos para grandes comemorações.
Mas não deixarei de me alegrar com as pequenas conquistas.
Talvez a vontade de abandonar tudo torne-se a minha companheira.
Mas ao invés de fugir, irei correr atrás do que almejo.
Talvez eu não seja exatamente quem gostaria de ser.
Mas passarei a admirar quem sou.
Porque no final saberei que, mesmo com incontáveis dúvidas, eu sou capaz de construir uma vida melhor.
E se ainda não me convenci disso, é porque como diz aquele ditado: “ainda não chegou o fim”
Porque no final não haverá nenhum “talvez” e sim a certeza de que a minha vida valeu a pena e eu fiz o melhor que podia.

Sônia Carvalho

============================

24 de jan de 2010

AS VOLTAS DA VIDA

A felicidade pode existir em cada momento e em cada situação.
Se seu trabalho é maçante, é porque você escolheu enxergá-lo desse jeito.
Se seu vizinho é desagradável, é porque você o considera assim. Aceite as coisas como elas são.

Encontre o lado bom das coisas ao seu redor.
Nada o fará feliz até que você decida ser feliz.
Aceite as coisas como elas são e você terá o poder de torná-las o que você quiser.
Nada tem o poder de fazê-lo feliz, mas você tem o poder de extrair felicidade de qualquer coisa.

Luta e conflito, riso e alegria, lágrimas e sorrisos, são todos parte da mesma abundante e incrível sinfonia que é a vida.
A riqueza de estarmos vivos nunca é condicional.
Ela não é feita apenas de diversão, mas você realmente gostaria que fosse assim?

Regozije-se com as voltas que sua vida dá, pois é disso que ela é feita.

A.D


===================================

23 de jan de 2010

BORBOLETA

Muitas vezes, passamos um longo tempo de nossas vidas correndo desesperadamente atrás de algo que desejamos, seja um grande amor, um emprego, uma verdadeira amizade, uma casa, etc...

Muitas vezes, a vida usa símbolos, acontecimentos que são sinais para que possamos entender que, antes de merecermos aquilo que desejamos, precisamos aprender algo de importante, precisamos estar prontos e maduros pra viver determinadas situações.
Se isso está acontecendo na sua vida, pare e reflita sobre a seguinte frase:
"não corra atrás das borboletas. Cuide de seu jardim e elas virão até você!"

devemos compreender que a vida segue seu fluxo e que esse fluxo é perfeito. Tudo acontece no seu devido tempo.

Nós, seres humanos, é que nos tornamos ansiosos e estamos constantemente querendo "empurrar o rio".
O rio vai sozinho, obedecendo o ritmo da natureza.
Se passarmos todo o tempo desejando as borboletas e reclamando porque elas não se aproximam da gente, mas vivem no jardim do nosso vizinho, elas realmente não virão.
Mas se nos dedicarmos a cuidar de "nosso" jardim, a transformar o nosso espaço (a nossa vida) num ambiente agradável, perfumado e bonito, será inevitável... As borboletas virão até nós!!

Dê o que você tem de melhor e a vida lhe retribuirá...!!!

A.D


============================

22 de jan de 2010

Muito bom nem sempre é otimo.

Você está comendo algo delicioso e pensa que, se continuar comendo, vai ter mais e mais prazer.
Então, tudo dá errado.
Você se sente empanturrado, tem má digestão e o almoço se transforma no começo de uma tarde infernal. Você toma um drinque perfeito que um amigo preparou. Pede outro, mais outro e, no final, termina a noite com náuseas e dor de cabeça.
No dia seguinte, de ressaca, se pergunta por que aquilo que era puro prazer se transformou em algo tão desagradável.
Essa é a questão: a maior parte dos problemas das pessoas ocorre porque elas exageram na quantidade do que gostam.
Se preocupam muito com o que querem e não com aquilo que as faz feliz... Exageram e não entendem como algo maravilhoso as levou ao inferno!
Tudo na vida é questão de qualidade, e não exatamente de quantidade.
Temos de pensar mais no que queremos do que em quanto queremos.
Ter poder é ótimo, mas o problema começa quando se quer ter poder demais.
Ter dinheiro é ótimo, mas a escravidão começa quando se quer dinheiro demais. Ter trabalho é ótimo, mas as limitações acontecem quando só se consegue ter prazer com o trabalho.
Ter uma única razão para viver também acaba criando vidas limitadas...
Pensar somente em um objetivo é obsessão.
Pode ser o caminho mais curto para realizar um desejo, mas certamente é uma maneira pobre de viver.
Para que nossa vida seja plena, é preciso haver espaço para a diversidade.

Roberto Shunyashiki, no livro
"A revolução dos campeões"



==================================

21 de jan de 2010

A PAZ

A paz está dentro de ti.

Não há outros lugares para procurá-la.

Ela acontece a partir da tua compreensão, da tua disponibilidade em aceitar e aprender com os momentos que te chegam.

Quando chegas ao teu coração, inevitavelmente chegas à paz.

Ela se encontra no lugar onde tudo em ti se traduz em equilíbrio, harmonia e inocência.

A tua paz depende da tua atenção para com o teu interior, assim ela se estende ao seu exterior, dando uma nova dimensão da tua realidade onde tu consegues clarear, através dela, o que parece obscuro, desfazer os nós onde tudo parece emaranhado, sem saída.

Dá uma chance para a paz, a tua paz, e verás que a vida colore o que te parece cinza, traz amor onde sentes haver ódio, traz abundância onde pensas haver miséria, traz aconchego onde pensas haver frio, solidão.

A vida muitas vezes não parece ser fácil, existindo momentos onde desistimos de tudo, para simplesmente chorarmos pela nossa aparente incapacidade em harmonizar tamanho caos que criamos, mas digo a ti: procura por tua paz, procura pela tua quietude interior e tudo a tua volta reluzirá na bênção Daquele que não deixa de olhar por ti, Daquele que, eternamente, não deixa de ser a própria paz.

Enviada por Adriana Valvassori



================================

A VERDADEIRA BELEZA

Estamos vivendo um tempo em que a beleza física é a grande preocupação. Prolifera o número de academias de ginástica para a malhação, aumenta o número de clínicas de estética.

As artistas são questionadas a respeito dos seus segredos para se manterem belas, jovens e de corpo perfeito.

Observa-se que as adolescentes em especial buscam o mundo da moda, desejam se tornar modelos, não medindo esforços para isso.

Em nome da beleza física, homens e mulheres se submetem aos tratamentos mais diversos, internam-se em clínicas especializadas, passam finais de semana em locais de repouso.

E cada um tem a sua fórmula especial, o seu segredo de beleza: alimentação balanceada, beber muita água, comer frutas e vegetais, tomar sol em horas certas, cremes, massagens, terapias com ervas, banhos, etc.

Uma das grandes atrizes do cinema americano, a belga Audrey Hepburn, que marcou sua presença nas telas vivendo a adolescente espirituosa e sofisticada, quando indagada a respeito, sintetizou em dez itens as suas dicas de beleza.

Primeiro - se desejar lábios atraentes, fale palavras de ternura.

Segundo se pretender ter olhos encantadores, procure ver sempre o lado positivo das pessoas.

Terceiro para uma silhueta esguia, compartilhe a sua comida com aquele que tem fome.

Quarto - para cabelos bonitos, deixe uma criança passar os dedos entre eles uma vez ao dia.

Quinto - para a postura, caminhe com sabedoria, pois você nunca andará só.

Sexto - nunca despreze ninguém. Muito mais do que as coisas, as pessoas devem ser restauradas, revividas, requisitadas, perdoadas.

Sétimo - lembre que se um dia precisar de uma mão amiga, você a encontrará na extremidade de cada um dos seus braços. Na medida em que você for envelhecendo, descobrirá que tem duas mãos - uma para ajudar a você, a outra para ajudar os outros.

Oitavo - a beleza de uma mulher não está nas roupas que ela veste, na imagem que ela carrega ou no penteado de seus cabelos.

A beleza de uma mulher deve ser vista nos seus olhos, pois esta é a porta de entrada para o seu coração, o lugar onde o amor reside.

Nono - a beleza de uma mulher não está num tipo de rosto, mas a verdadeira beleza numa mulher está refletida na sua alma, no carinho que ela cuidadosamente dá, na paixão que ela mostra.

E, finalmente, o décimo e último item a beleza de uma mulher cresce com o passar dos anos.

...............

A verdadeira beleza reside além da imagem física, que é sempre passageira.

A verdadeira beleza é a do espírito que se irradia pelo semblante, iluminando os olhos, adoçando os gestos, modulando a voz.

A verdadeira beleza resiste ao tempo, ao passar dos anos e se expressa na meiguice do olhar, na serenidade da face, no carinho dos gestos.

A verdadeira beleza é imortal.

A.D


===========================================

19 de jan de 2010

DICAS PARA EQUILIBRAR AS EMOÇÕES.

1. Mesmo que você não siga nenhuma religião, entre uma igreja ou num templo vazio, sente-se e descanse, curtindo a paz e o silêncio.

2. Escolha um guru e acredite nele.
3. Participe de um trabalho voluntário. Ajudar a quem precisa dá sentido maior à vida.
4. Aprenda a rir de você mesmo(a).
5. Curta aquilo que você tem e não fique comparando posses.
6. Não repasse notícias ruins. Uma situação vira tragédia quando passada de boca em boca. Se ouvir informação triste, guarde para si.
7. Compartilhe suas incertezas. Ao escutar o que os outros têm a dizer, as dúvidas se aclaram.
8. Preste atenção na intuição. Ser intuitivo é deixar o coração dar um pulinho no futuro e voltar rapidinho.

9. Não permita que sua vida gire em torno de um único tema. Investir energia em uma só coisa é correr risco de deixar de ter prazer em outras.
10. Seja seu maior fã. Você é incrível.

11. Diga mais "eu te amo". Mostre entrega, carinho e disposição para aceitar o outro do jeito que é. Não espere uma ocasião especial.
12. Tenha jogo de cintura. É mais fácil aceitar as mudanças quando entendemos que não é possível controlar tudo nem todos.
13. Arranje um passatempo. Você nunca conseguirá estar à frente no seu trabalho se tudo o que você é se resume ao seu trabalho.
14. Saiba receber um elogio. A admiração pode ser sincera e fazer bem ao ego.
15. Agradeça. Você pode levantar as mãos para o céu, dobrar os joelhos, acender uma vela, dar três pulinhos, beijar uma imagem... Não importa o ritual. Vale a sensação de que o universo está lhe dando o que pode dar - e que você é uma pessoa abençoada por isso.
16. Ouça uma canção alegre e cante junto.
17. Desligue a televisão e converse com os amigos, o marido ou a esposa, o namorado ou a namorada, o cachorro, o papagaio...

A.D

====================

16 de jan de 2010

LEVANTE-SE SEMPRE

Todos tropeçam e caem, especialmente quando estão caminhando e buscando mudanças -- seu caso.

Todos se machucam e sangram, por fora ou por dentro, mesmo quando querem somente viver a vida plenamente -- seu caso.

Todos se sentem exaustos, um dia ou outro, e param a caminhada para descansar quando não conseguem dar nem mais um passo -- seu caso.

Seu caso, meu caso e o caso de todos os que estão vivos.

Ninguém disse que nossa aventura de viver seria fácil mas, apesar dos tropeços, quedas, dores, tristezas, ferimentos, solidão e exaustão, ainda assim você é mais forte.

Mesmo quando derrubado, ou derrubada, você pode levantar e continuar.

Você é mais forte do que suas aparentes limitações e a prova disso é que sente quando algo está limitando sua vida.

Se não fosse mais forte, nem notaria.

Você é mais forte do que seus ferimentos, razão pela qual busca curar-se o mais rapidamente possível para voltar ao combate na vida, na família, na empresa, na escola ou onde quer que seja necessário o seu retorno.

Você é mais forte do que a tristeza porque, no fundo, deseja que ela se vá para dar lugar à alegria e felicidade.

Você é bem mais forte.

Mais forte do que pensam os outros, por melhor que conheçam você.
Mais forte do que pensa você, por mais que acredite conhecer-se.
Mais forte do que qualquer um sobre a Terra possa achar que você é.
Sua força não pode ser medida em aparelhos, não pode ser guardada nem vendida.
Ela está ai dentro e só você pode usa-la, quando achar que deve, quando achar que pode, quando achar que vai.

Suas derrotas não são permanentes, como diz Marilyn vos Savant ao afirmar: “Ser derrubado é freqüentemente uma condição temporária.
Desistir é o que a torna permanente.”
E você não vai desistir, porque você é mais forte, e sempre será mais forte.

Mostre isso ao mundo hoje e se, por qualquer razão, você tropeçar e cair, lembre-se: você é mais forte.
Respire fundo, levante-se e não desista.
Desistir é o que torna toda derrota permanente.
Levantar-se é o que torna toda derrota somente mais uma lição em direção ao seu imbatível sucesso.

Desconheço a autoria


===============================

14 de jan de 2010

Photobucket

MINHA PRECE

Nilton Bustamante



Ser feliz é um princípio alienável da vida.

O sorriso engavetado é a tristeza da fruta caída do pé e não colhida, apodrecida ao chão.

Servirá de adubo no cemitério de tudo que matamos e carregamos na alma.

A palavra atravessada, construída de qualquer jeito, contornada em vibrações distorcidas por pensamentos tortos,
torna-se algo tão primário, infantilizada por mente igualmente infantilizada, primeiros rabiscos mal aproveitados
da planificação dos alicerces das edificações da mente responsável com os planos excelsos.

Não se percebe que a sintonia construída por expressões matemáticas é a verso da moeda, do sentimento elevado
ao supramundo.
Então, oh, libertação de mim mesmo!
Ainda que em meu cárcere eletrificado pela dor, seja-me, ainda assim, em vida carnal, boa-venturança.
Oh, medo das alturas que me dá calafrio! Em minha morbidez temerária de tudo me faz armadilhas,
que me escravizam, necessito da régua, esquadro e compasso! Oh, ajudem-me nas medidas perfeitas das minhas
vibrações mentais e orais, possam ajudar-me a ressoar em meu coração a divina proporção.
Que meus passos sejam para aqueles que precisam caminhar a boa jornada.
Que a prece seja antes nas Alturas Benditas para que a minha, ao mesmo tempo, no lado oposto, seja sombra de luz
ao mundo dos homens.
Que eu seja ao mundo, como são para mim as minhas células operárias, diárias, em trabalhos em ciclos perfeitos,
que me impulsionam e não me deixam desistir, exemplificam que é preciso continuar na Grande Obra,
ser como é o pedreiro livre, lapidar a sua própria pedra bruta, polir, evoluir...
o que era apenas latente, transformar-se em imagem e semelhança do Princípio.

Ser feliz é um princípio alienável da vida:
“Amai-vos uns aos outros”,
e o Princípio que rege o universo resplenderá no mais inquestionável íntimo, no mais absoluto sentido.
Sim, eu mesmo estou ainda corrigindo minhas inúmeras páginas, pois, a cada dia, que se apresentam em branco,
eu insisto em muitos erros, em muitos descuidos seculares, que me tiram a vontade de sorrir,
que me enfraquecem por alguns momentos.
Mas, sempre o galo canta, e vem anunciar um novo dia, inicia-se o tudo por fazer,
e outra página em branco, amavelmente, se apresenta para me exercitar nas lições professoras da vida.
Se conseguirmos, por um pequeno instante que seja, a cada dia,
um bom pensamento, uma alegria sincera de um coração sincero comovido pelas oportunidades dos dias e das noites,
das delicadezas das flores, das amabilidades humanas, das tolerâncias, contribuiremos com o micro e com o macro,
abriremos novos caminhos, novas pontes, facilitando assim, a vinda de amáveis visitas,
novas companhias que nos auxiliarão, por todos meios e formas, para vivenciarmos o significado da expressão do Mestre:
“Paz na Terra aos homens de boa vontade”!.




=============

13 de jan de 2010

Photobucket

A VERDADEIRA CARIDADE

Jim nunca imaginou que as coisas acontecessem daquela forma. Enquanto trabalhava como salva-vidas, amava o que fazia.

Num dia de folga, andando pela praia, ele viu uma mulher em perigo. Jogou-se n'água e a trouxe para a praia.

Depois a carregou até o posto salva-vidas, onde uma ambulância a levou para o hospital.

Victória ficou muito agradecida e passou a visitá-lo, de vez em quando, no posto.

Quando sabia que ele estava trabalhando, mandava-lhe pizza. Jim retribuía com visitas e telefonemas.

Os outros rapazes faziam gozação da sua amizade com aquela senhora. Ele não ligava.

Durante anos, mantiveram a amizade. Certo dia, retornando de uma viagem, Jim ligou para a casa dela. Quem atendeu foi uma jovem, que se identificou como Bárbara.

Era sua sobrinha. Contou-lhe que Victória havia morrido, vítima de um derrame. A sobrinha viera de outra cidade para resolver alguns negócios da tia.

Ela sabia tudo a respeito dele porque sua tia lhe falou. O tempo passou.

Uma noite, numa festa na praia, com amigos, Jim percebeu que as coisas estavam saindo do controle. Bebidas e drogas começaram a circular. Ele decidiu ir embora. Logo depois, uma mulher que ele havia conhecido apenas algumas horas antes, também saiu.

Quando ela foi dada como desaparecida e seu vestido esfarrapado foi encontrado ao lado da estrada, ele foi acusado de assassinato.

Parecia um pesadelo. Ele mal a conhecia. Era uma acusação maluca. Mas a polícia precisava de um suspeito. E ele era um suspeito.

Um defensor público foi indicado para cuidar do seu caso, porque ele não tinha dinheiro. Foi preso e a fiança estipulada em um valor elevadíssimo.

Jim achou que não teria mais saída. Então, um dia, recebeu um telefonema.

Era Bárbara. Formada em direito, ela ouviu o noticiário a respeito da sua prisão e perguntava se ele aceitaria que ela o defendesse gratuitamente.

Jim aceitou de pronto. Ela começou a se inteirar dos detalhes do caso.

A única testemunha ocular que identificou Jim, como o homem que saiu da festa com a mulher, descreveu o casal como sendo da mesma altura.

Alguma coisa estava muito errada. A suposta morta tinha 1,65m. Jim tinha quase 1,80m.

Graças a esse detalhe, ela conseguiu que a fiança fosse reduzida e Jim pôde ir para casa. Aquilo foi um presente para ele.

Ela contratou um detetive que, depois de algum tempo, descobriu que a suposta vítima vivia num país vizinho.

Ela decidira sair de casa e abandonar o marido para começar uma nova vida, com outra pessoa.

Depois de muita insistência, meses de trabalho, conseguiram que a mulher retornasse e se mostrasse à polícia, provando que estava viva.

Jim estava livre da acusação. Hoje, ele vive com sua mulher e três filhos. Tem uma fazenda e dirige sua própria fábrica. Mas nunca vai esquecer aquela amizade especial com Victória.

Comenta ele:
- Se aquela doce senhora não falasse de mim para sua sobrinha como o fez, é bem possível que eu estivesse apodrecendo na prisão, pelo resto da minha vida. Devo minha vida àquela mulher.

No entanto, Bárbara tem uma versão diferente:
- Ele merecia minha ajuda. Ele salvou a vida de alguém que nem conhecia, mesmo não estando em serviço naquela hora. Esse tipo de amor pela humanidade não fica sem recompensa.

Faça o bem, sem nunca aguardar recompensa. Mas guarde a certeza que os benefícios lhe chegarão, de alguma forma.

Isto porque à toda ação corresponde uma reação. E o bem somente gera bem maior.

2411
Maktub

Retirado do site do Rivalcir mensagens
http://www.rivalcir.com.br/


======================================================

12 de jan de 2010

PEDRAS JUNTO AO CORAÇÃO

Conta-se que durante a Segunda Guerra mundial, havia em um pequeno vilarejo um homem disposto a fazer o que fosse preciso para que a guerra acabasse, pois, o pequeno vilarejo no qual ele morava deixou de ser um lugar tranqüilo e aconchegante, depois que rebeldes passaram por ali e mataram várias pessoas − entre as quais um dos filhos e a mulher deste homem −, o vilarejo ficou marcado pela guerra.

O outro filho do infeliz homem estava enfermo, tinha intensa febre e dores por todo o corpo, não conseguia nem andar. Ele precisava urgentemente ser medicado, mas, depois que o vilarejo foi atacado, o único médico que ali havia fugiu temendo um novo ataque. Deste modo, era necessário que alguém fosse à procura de um médico em um vilarejo vizinho e trouxesse-o para examinar o filho do infeliz homem que estava doente.

Depois de passar dias cuidando do seu filho, aquele valente homem estava desesperado, pediu para que várias pessoas fossem à procura de um médico, mas nenhuma teve coragem, pois não se sabia onde que os rebeldes estavam, eles podiam estar em qualquer lugar e atacar quem cruzar o caminho deles. Depois de pedir ajuda a tantas pessoas, o homem decidiu ele mesmo ir à procura do médico.

Ao despedir-se do seu filho – que ficara sobre os cuidados de sua tia – o homem recebeu de seu filho uma simples pedra, o menino disse ao pai que ele era para guardar aquela pedra com muito carinho, pois era especial e que mudaria a vida dele.

O corajoso homem arrumou as coisas necessárias para levar durante sua viagem e guardou a pedra que ganhou de seu filho no bolso do lado esquerdo de sua camisa, junto ao coração, e foi então à procura do médico. Depois de um dia e meio de caminhada, encontrou-se junto aos rebeldes. Tentou fugir, saiu correndo o mais depressa de que as pernas dele agüentassem, mas, se viu cercado quando chegou na beira de um precipício, virou-se para trás, tentando explicar aos rebeldes que os perseguia que precisava ir em busca de um médico para medicar seu filho, mas os rebeldes nem deram ouvido, atiraram bem no coração do homem, fazendo-o cair no rio que havia no fim do precipício.

Por mais que se possa imaginar, o valente homem estava são e salvo. O tiro pegou bem na pedra que estava no seu bolso, deixando-o sem um arranhão, a simples pedra que seu filho deu tornou-se a pedra preciosa que salvou a vida dele, que mudou a sua vida.

Depois, aquele homem conseguiu um médico para o filho, e, depois de alguns dias, pensou a respeito do presente do filho: a pedra salvou a vida dele, deixou de valer apenas uma pedra, tornou-se algo precioso que, valeu o preço de uma vida e resolveu então guardar para sempre no bolso de sua camisa, junto ao coração.

E você? Quantas pedras você carrega em seu coração? Quantas pessoas você ajuntou ao longo do caminho da sua vida e guardou no seu coração? E além disso, você mudou a vida de quantas pessoas? Você tem agido de maneira para ser guardado no coração de alguém? Reflita suas atitudes, e torne-se pedras para serem carregadas junto ao coração de muitas pessoas!

Desconhecemos a autoria.

Fonte - http://dinhorohweder.wordpress.com


=========================

11 de jan de 2010

Daddy Bruce

"Daddy" Bruce Randolph era um homem que fumava muito e nunca seria visto em público sem seus chapéu, capa e guarda-chuva.

Aos sessenta e um anos de idade, abriu o restaurante e churrascaria Daddy Bruce's em uma área pobre de Denver.

Podia se discutir se sua carne era a melhor da cidade, mas não havia nenhuma discussão sobre sua pessoa. Era um homem gentil e começou uma tradição que morreu com ele, trinta anos depois que abriu seu restaurante. Ele alimentou pessoas - não apenas seus clientes, mas os pobres e os desabrigados moradores de rua.

Todo "Ação de Graças", Daddy e seu filho cozinhavam para uma multidão de moradores de rua. Queria lhes dar um grande jantar no dia em que todo o país comemora sua bondade.

Aproximadamente uma semana antes, Daddy começava a fazer todos os preparativos. Nos primeiros anos de seu projeto, pagou por tudo de seu próprio bolso. Mas à medida em que o tempo foi passando, os custos explodiram enquanto a multidão aumentava. Foi quando os admiradores de Daddy começaram a ajudar.

Alguns doavam toneladas de alimentos e outros doavam seu tempo para estar por trás e ao lado do velho homem. Atletas, políticos, policiais e religiosos, bem como outras pessoas ofereciam-se para cozinhar e servir. Era um momento raro para testemunhar a distribuição de alimentos para pessoas que viviam em casas de papelão por baixo de viadutos de Denver.

Parecia haver uma fonte infinita de comida para alimentar a multidão. Ninguém saía com fome do Daddy Bruce's. Foi Daddy que começou a coisa toda e supervisionou até quando chegou aos noventa anos. Tinha se tornado demasiado velho para trabalhar.

Foi uma das poucas pessoas que viveram para ver uma rua da cidade receber seu nome em sua justa homenagem. Em 1991, o prefeito Frederico Pena rebatizou a avenida "East Twenty-third Avenue" para "Bruce Randolph Boulevard". Dois anos mais tarde, Daddy Bruce morreu. Ele viveu modestamente mas bem.

Quando, certa vez, lhe perguntaram sobre porque se ofereceu para alimentar milhares de pessoas pobres e com fome por cerca de vinte e cinco anos, sua resposta foi simples,
- Se você der apenas uma coisa, você receberá três de volta. O amor sempre funciona assim. É por isso que eu o faço.


E ele fez bem, muito bem.


Tradução de Sergio Barros




=================================

10 de jan de 2010

SER ESPECIAL

Ter um sonho que se realiza no meio de muitas tormentas, ter um encontro com a vida, quando ela está por deixar-te.
Ter um momento de luz no meio da escuridão,
ter humildade para voltar no caminho, ter sabedoria
para escolher a melhor hora para seguir.

Ser especial, só especial é... Ser o encontro da eternidade com seu tempo, ter o encontro das almas, ter a essência jorrando em raios por todos os poros, ser o encontro das águas turvas, com toda a beleza do mar azul, ser o poder das forças que une os corpos.

Ser especial, só especial é... Ver que tu podes seguir o caminho do meio. O caminho que te leva ao encontro do equilíbrio, o caminho que te deixa em paz com os teus,
o caminho que te faz voltar para dentro, como se buscasse a luz, que tantas vezes te deixou na escuridão.

Ser especial, só especial é... Poder sentir o amor nas veias que pulsam, Sempre chamando e dizendo, Viva!
É a vida que te chama sempre, aproveita esse momento e reflita. Quanto já fizestes por teus sonhos, para encontrar a tua vida? Quantas lágrimas já derramastes no teu caminho?
Quantos vezes caminhastes sozinho?

Especial é Ter luz, Sentir a calma, Deixar que a angústia não te derrube, Ter forças para lutar.

Ser especial é ser como tu.
Puro, com sabedoria nas palavras, força nos braços, lágrimas sem dor.
É saber sorrir da tristeza quando ela te angustia.
É saber caminhar sozinho, sem muletas.
É saber ouvir o silêncio. É saber calar na multidão.
Refletir sempre... Sentir infinitamente...
Viver eternamente, E sonhar...

Recebemos da Rose-SP
Desconhecemos a autoria desta mensagem.


==========================================

7 de jan de 2010

EVOLUÇÃO DO SER E DO CRER

Um desejo; e a vida será sempre o que fizermos dela.

Um instante;
é o tempo exato para refletir nas palavras, evitar problemas.
Um dia de sol; uma nova oportunidade para recomeçar, o refazer das malas.

Uma oração; tempo de renovar relações com o Criador, religar. Um novo amor; o renascer dos velhos sonhos, o remoçar, deixar o coração falar.

Um filho; a esperança da perpetuação, o continuar, seguir adiante.

Um diploma; o início de uma carreira, um degrau, um empurrão para a vida.

Um sonho; energia para o crescimento e conquista, estopim da criação.

Uma ambição, trampolim para a superação de si mesmo, força extra para vencer.

Um gesto solidário;
uma forma de estreitar laços, lembrar que somos todos irmãos.

Um amigo; reflexo de um anjo sem asas, aquilo que podemos ser.

Uma certeza; é tudo o que você precisa para determinar, conquistar, vencer, amar, ressurgir, crescer na fé, ser parte integrante dos planos de Deus para a humanidade, um novo tempo, um novo você, um novo futuro, que começa agora quando você aceita o fato de que pode fazer um pouco mais, persistir e não desistir jamais de ser feliz.

Se não dá para ter tudo, sempre será tempo de ser um pouco melhor.

Comece agora! ...

Autor do texto: Paulo Roberto Gaefke =====================================

6 de jan de 2010

AS VEZES...

AS VEZES

Há uma rotina em nossas vidas.
Passamos os dias quase sempre todos iguais.
Envolvidos na matéria, quase sempre, mesmo que relapsos do nosso eu apareçam, deixamos que eles passem muito rapidamente.
Mas, as vezes o tempo para prá mim.
Talvez existam muitos momentos dentro de mim, ansiosos para sair, libertar, crescer, e deixar que
eu na verdade me reconheça dentro deles.

Nesta hora, que ultimamente tem sido frequente, eu olho para o céu e tento ver o mundo espiritual.
Olho imaginando o que está naquele exato momento ocorrendo na direção que dirigo meu olhar.

Não me importa onde estou, se dirigindo um carro numa estrada, se parado, se andando, sempre isto acontece.
E num instante, vem a tona uma mistura de sentimentos bons e também de medo, de receio.

São coisas do meu eu, na verdade sei que são minhas as minhas verdades, mas qual a melhor maneira de poder
compartilhar do que aqui neste pequeno comentário e no meu mundo virtual que é dividido também com você?

Estes dias viajando eu estive pensando.
Pensei como o mundo é tão simples e como as condutas são tão fáceis de serem realizadas no verdadeiro sentido do amor.
O mundo é simples.
Nós que complicamos muitas coisas e cheguei a conclusão de que só pela matéria, só pela ganância da matéria
é que agimos erroneamente e criamos para nós mesmos um inferno.

Nem sempre entendemos isto e agimos complicando muito nossa vida.
Prevalece esta busca do poder, do dinheiro, do querer ser melhor etc...

Bom, voltando ao mundo espiritual.
Porque será que ainda em meus momentos de melancolia, aqueles onde na realidade lágrimas chegam bem perto
da retina e quase caem, momentos em que eu sem entender muito os porquês e simplesmente me deixo levar e olho
para o céu em busca de algo, em busca de respostas, sempre está o mundo espiritual presente?
É nele que busco as respostas.
Será certo?

As vezes tento buscar dentro de mim mesmo, mas nesta hora, meus sentimentos estão tão melancólicos que nada vejo
além de um desejo imenso de ser feliz, de poder sair voando como um pássaro, de poder ter ao meu lado uma
companhia que sentisse o mesmo, que se fundisse a mim numa única coisa tão gostosa.....

As vezes eu penso e quando penso, vem a figura do meu Pai maior que tudo sabe e vê.
Sabe, no fundo sei que tudo o que passamos é algo que criamos para nós mesmos e que é possível mudar mas
diante de nossas fraquezas, ficamos quase que parados como se estivéssemos esperando algo não é?

Existem outros momentos, outra hora e nelas eu vejo apenas meus erros, os conheço e sei o caminho para a
correção, mas deixamos o tempo correr e muito devagar queremos mudar.
Sei que agora, esta minha conversa com você, até possa estar meio complicada mas procure entender-me ta bom?

imaginaE o Cristo andando como nós pela Terra,
vivendo como nós e passando diante também dos seus problemas exatamente como eu e você também estamos?
Ele na verdade eu penso que teve momentos de tristezas em ver um mundo de homens endurecidos e se voltava para
o céu e perguntava porque não conseguia mudar os homens etc...

Será que tudo isto que falei com você é uma crise existencial? Se for, está sendo longa demais para mim.
Tenho feito coisas que acho boas.
Ensino como posso o bem, falo no amor, pego carona em tudo que é bom, mas quando volto para dentro de mim,
eis o que vejo: a minha eterna guerra entre um mundo espiritual pelo qual anseio e tento até mesmo enxergar
olhando para o alto ( ironia minha...) e o mundo da matéria pela qual tenho que lutar para poder viver.
Estou como sempre disse, na divisa? Bom, vamos fazer seguinte, vamos ouvir com calma uma musica relaxante e deixar
um pouco os pensamentos voarem em direção a alguma possível resposta.

Pedro Ozório

Fonte desta - http://www.pedroozorio.com.br/mensagens/as_vezes.htm



=======================================================================

4 de jan de 2010

REFLITA

Mais um ano se passou e é tempo de pensarmos que passamos boa parte dele em busca da felicidade.....
procurando o tesouro escondido.
Corremos de um lado para o outro esperando
descobrir a chave da felicidade!
Esperamos que tudo que nos preocupava se resolvesse num passe de mágica.
E seguimos achando que a vida seria tão diferente, se pelo menos fôssemos felizes!!! E, assim, alguns de nós fugiram de casa para ser feliz e outros fugiram para casa para ser feliz. Uns se casaram para ser feliz e outros
se divorciaram para ser feliz.
Uns fizeram viagens caríssimas para ser feliz e outros trabalharam além do normal para ser feliz.
Uma busca infinda...
Tempo desperdiçado...
Nunca a lua está ao alcance das nossas mãos,
nunca o fruto está maduro, nunca o vinho está no ponto.
Sombras, lágrimas.
Nunca estamos satisfeitos, sempre parece faltar algo...
Mas, há uma forma melhor de viver...
A partir do momento em que decidimos ser feliz de verdade, nossa busca da felicidade chega ao fim.
É que percebemos que a felicidade não está na riqueza material,
na casa nova, no carro novo, naquela carreira... naquela pessoa...

E jamais está à venda.
Quando não conseguimos achar satisfação dentro de nós mesmos para ter alegria, estamos fadados à decepção.
A felicidade não tem nada a ver com conseguir alguma coisa...
Consiste em satisfazer-nos com o que temos e com o que não temos ainda...
Poucas coisas são necessárias para fazer feliz o homem sábio, ao mesmo tempo em que nenhuma fortuna satisfaria a um inconformado.
As necessidades de cada um de nós são poucas.
Enquanto nós tivermos alguma coisa a fazer...
alguém a amar... alguma coisa a esperar...um sonho na esperança de realizar...o simples fato de estar vivo e compartilhar a vida... seremos feliz!


Saiba: A única fonte de felicidade está dentro de você...e deve ser repartida...
Repartir suas alegrias e felicidade... é como espalhar perfumes sobre os outros: sempre algumas gotas acabam caindo sobre você mesmo.
Pensem nisso, tenha um Ano Novo repleto de reais momentos felizes e siga espergindo perfume sobre quem nos cerca e certamente tornaremos melhores nossos dias... nossas vidas...e 2010 será marcado pelo aroma mais doce que o ser humano é capaz de aspirar: o aroma do amor fraternal.


FELIZ ANO NOVO!
com o coração feliz!!!!!
JP

Recebemos do Bruno - BA


============================
Photobucket

3 de jan de 2010

Lindissimo este PPs feito pelo Paiva.
Recebemos de um amigo e transformamos em Video AVi.
Para nosso canal de videos no youtube.
Visite-nos

Gostamos muito de transformar lindos pps para video e inserir
no youtube para ser compartilado por todos. Envie nos seu pps
blogreflitasempre@gmail.com

COMO ENCONTRAR A FELICIDADE.

Depois de duas semanas de torradas sem manteiga e corridas nas manhãs geladas ao redor do parque, uma amiga minha voltou a se pesar e o ponteiro da balança parou no mesmo lugar que estava marcando antes.

Isto lhe pareceu típico de como tudo vinha lhe saído mal ultimamente.

Estava mesmo destinada a nunca ser feliz. ao vestir-se, fazendo caretas para entrar no jeans apertado descobriu 20 dólares no bolso.

Depois, a irmã telefonou-lhe contando uma história divertida.

Quando saiu apressada por ter ainda que pôr gasolina descobriu que sua companheira de quarto já enchera o tanque.
e essa era a pessoa que havia pensado que nunca seria feliz! De uma maneira ou de outra, todos os dias chegam até nós conselhos mais ou menos simplistas sobre a felicidade, cuja técnica reside na necessidade de fazermos algo para sermos felizes

- seja escolher as opções corretas ou contar com o que é certo para nós mesmos.

A juntar a isto há ainda a noção de que a felicidade é um estado permanente.

A menor quebra na alegria sugere problemas. Acontece é que a maior parte das pessoas não vive num estado permanente de felicidade, mas em algo mais vulgar, uma mistura daquilo que o ensaísta Hugh Prather chamou de "problemas por resolver, vitórias incertas, com alguns momentos de paz verdadeira". talvez o dia de ontem não tenha sido feliz depois daquele desentendimento com o patrão.

Mas houve ou não momentos de felicidade, de Paz absoluta?

Se você pensar bem, não se lembra de Ter recebido uma carta de um velho amigo, ou de terem lhe perguntado onde fez um corte de cabelo tão bom?

Embora o dia tenha tido bons momentos, você só se lembra do que ele teve de ruim.

A felicidade é como aquela visita, genial e exótica, que surge quando menos se espera, encomenda uma rodada de bebidas extravagantes e desaparece em seguida, deixando atrás de si um rastro de perfume de gardênia.

Ela nem sempre aparece quando se convoca, e só se pode apreciá-la quando se digna aparecer.

A felicidade não se força, mas pode-se viver em pleno quando ela surge. Ao regressar a casa absorvido com seus problemas, tente reparar no crepúsculo que incendeia as vidraças da cidade.

Escute os gritinhos das crianças que brincam ao entardecer e sentir-se-á revigorado, só por Ter ouvido com atenção. A felicidade é uma atitude.

É limpar as persianas ao som de uma canção; passar uma hora agradável arrumando o armário.

A felicidade é a família reunida para o jantar.

É o presente, não a promessa distante de "um dia, quando..." como somos mais afortunados e como nos sentirmos mais felizes se nos apaixonarmos pela vida que temos! A felicidade é uma opção. Agarre-a quando ela surge, como um balão fugindo em direção ao mar azul brilhante.

Adair Lara


=======================================

2 de jan de 2010

O FILHO

Um homem muito rico e seu filho tinham grande paixão pelas artes. Tinham de tudo em sua coleção, desde Picasso até Rafael. Muito unidos, se sentavam juntos para admirar as grandes obras de arte. Por uma desgraça do destino, seu filho foi para guerra. Foi muito valente mas morreu na batalha, quando resgatava outro soldado. O pai recebeu a notícia e sofreu profundamente a
morte de seu único filho. Um mês mais tarde, alguém bateu à sua porta...

Era um jovem com uma grande tela em suas mãos e foi logo dizendo ao pai: "O senhor não me conhece, mas eu sou o soldado por quem seu filho deu a vida, ele salvou muitas vidas nesse dia e estava me levando a um lugar seguro quando uma bala lhe atravessou o peito, morrendo instantâneamente.

Ele falava muito do senhor e de seu amor pelas artes. O rapaz estendeu os braços para entregar a tela:

- "Eu sei que não é muito, e eu também não sou
um grande artista, mas sei também que seu filho gostaria que o senhor recebesse isto"...

O pai abriu a tela. Era um retrato de seu filho, pintado pelo jovem soldado. Ele olhou com profunda admiração a maneira com que o soldado havia capturado a personalidade de seu filho na pintura. O pai estava tão atraído pela expressão dos olhos de seu filho, que seus próprios olhos encheram-se de lágrimas. Ele agradeceu ao jovem soldado, e ofereceu-se para pagar-lhe pela pintura.

- "Não, senhor, eu nunca poderei pagar o que
seu filho fez por mim! Essa pintura é um presente"...

O pai colocou a tela à frente de suas grandes obras de arte, e a cada vez que alguém visitava sua casa, ele mostrava o retrato do filho, antes de mostrar sua famosa galeria.

O homem morreu alguns meses mais tarde e se anunciou um leilão de todas as suas obras de arte. Muita gente importante e influente chegou ao local, no dia e horário marcados, com grandes expectativas de comprar verdadeiras obras de arte. Em exposição estava o retrato do filho. O leiloeiro bateu seu martelo para dar início ao leilão:

"Começaremos o leilão com o retrato "O FILHO". Quem oferece o primeiro lance? Quanto oferecem por este quadro?"

Um grande silêncio... Então um grito do fundo da sala: "Queremos ver as pinturas famosas !!!, Esqueça-se desta!!!!" O leiloeiro insistiu...

"Alguém oferece algo por essa pintura?? R$100? R$200?"... Mais uma vez outra voz:

"Não viemos por esta pintura, viemos por Van Gogh, Picasso,... Vamos às ofertas de verdade"...

Mesmo assim o leiloeiro continuou...

"Quem leva O FILHO?"

Finalmente, uma voz: "Eu dou R$10 pela pintura"... Era o velho jardineiro da casa. Sendo um homem muito pobre, esse era o único dinheiro que podia oferecer. Temos R$10! Quem dá R$20?" gritou o leiloeiro.

As pessoas já estavam irritadas, não queriam a pintura do filho, queriam as que realmente eram valiosas para sua coleção. Então o leiloeiro bateu o martelo, "dou-lhe uma, dou-lhe duas, vendido por R$10!!!"

"Agora, vamos começar com a coleção!" gritou um.

O leiloeiro soltou seu martelo e disse:

"Sinto muito damas e cavalheiros, mas o leilão chegou ao seu final".

"Mas, e as pinturas?" perguntaram os interessados. "Eu sinto muito", disse o leiloeiro, "quando me chamaram para fazer o leilão, havia um segredo estipulado no testamento do antigo dono. Não seria permitido revelar esse
segredo até esse exato momento. Somente a pintura O FILHO seria leiloada; aquele que a comprasse, herdaria absolutamente todas as suas posses,
inclusive as famosas pinturas. O homem que comprou O FILHO fica com tudo!..." Reflexão: Deus entregou seu único e amado filho, para morrer por nós numa cruz há 2000 anos atrás. Assim, como o leiloeiro, a mensagem hoje
é: "Quem ama o Filho tem tudo com o Pai, e herdará suas riquezas.Deus não mente. Ele é perfeito. Sua palavra nos deixa os ensinamentos e as promessas para quem O ama". Compartilhe essa mensagem, com um amigo, alguém que goste
muito. Sua vida não é uma coincidência, é o reflexo do amor de Deus por ti...

Enviado por Adauto de Oliveira Serra Neto

=============================

1 de jan de 2010

LIBERADO COMENTARIOS


Agora você pode deixar seus comentarios após a leitura do texto, esta liberado os comentarios. Obrigado pela sua visita.





MINI SUSAN BOYLE - VOZ SURPREENDENTE

“Mini-Susan Boyle” tem voz surpreendente

qua, 30/12/09
por Redação Época |
categoria Geral

O YouTube tornou mais fácil para cantores do mundo todos serem visto em larga escala. Às vezes parece que só é preciso criar um canal no site de vídeos, cantar bem e esperar as milhares de visualizações.

Com apenas 7 anos de idade, a americana Rhema Marvanne Voraritskul é uma das novas sensações desse universo.

Afinadíssima cantando a versão de Celine Dion do clássico de natal O Holy Night a menina já teve seu vídeo visto mais de 250 mil vezes desde o dia 12. A cantora gospel mirim se apresenta de graça em igrejas, hospitais e eventos de caridade.

A cantora Katy Perry, antes de ficar famosa com os hits I kissed a girl e Hot n’ cold, gravou um disco gospel na adolescência. Vale então ficar de olho em Rhema?

Confira o vídeo:

Dicas para equilibrar as emoções...

1. Mesmo que você não siga nenhuma religião, entre uma igreja ou num templo vazio, sente-se e descanse, curtindo a paz e o silêncio.

2. Escolha um guru e acredite nele.

3. Participe de um trabalho voluntário. Ajudar a quem precisa dá sentido maior à vida.

4. Aprenda a rir de você mesmo(a).

5. Curta aquilo que você tem e não fique comparando posses.

6. Não repasse notícias ruins. Uma situação vira tragédia quando passada de boca em boca. Se ouvir informação triste, guarde para si.

7. Compartilhe suas incertezas. Ao escutar o que os outros têm a dizer, as dúvidas se aclaram.

8. Preste atenção na intuição. Ser intuitivo é deixar o coração dar um pulinho no futuro e voltar rapidinho.

9. Não permita que sua vida gire em torno de um único tema. Investir energia em uma só coisa é correr risco de deixar de ter prazer em outras.

10. Seja seu maior fã. Você é incrível.

11. Diga mais "eu te amo". Mostre entrega, carinho e disposição para aceitar o outro do jeito que é. Não espere uma ocasião especial.

12. Tenha jogo de cintura. É mais fácil aceitar as mudanças quando entendemos que não é possível controlar tudo nem todos.

13. Arranje um passatempo. Você nunca conseguirá estar à frente no seu trabalho se tudo o que você é se resume ao seu trabalho.

14. Saiba receber um elogio. A admiração pode ser sincera e fazer bem ao ego.

15. Agradeça. Você pode levantar as mãos para o céu, dobrar os joelhos, acender uma vela, dar três pulinhos, beijar uma imagem... Não importa o ritual. Vale a sensação de que o universo está lhe dando o que pode dar - e que você é uma pessoa abençoada por isso.

16. Ouça uma canção alegre e cante junto.

17. Desligue a televisão e converse com os amigos, o marido ou a esposa, o namorado ou a namorada, o cachorro, o papagaio...


Recebemos do amigo Paulo-SC
Desconhecemos a autoria do mesmo.


========================