31 de mar de 2008

TODOS CONTRA ELA..



vale a pena clicar na figura
e visitar este site.
e recomenda-lo tambem..
vamos cada um fazer a nossa
parte.

A Doença mais contagiosa do mundo...

Há uma história sobre um fazendeiro que ansiosamente cumprimentava cada novo dia com um ressonante,-
Bom dia, Deus!
Ele morava perto de uma mulher cuja saudação matutina era sempre igual,
- Bom Deus já é manhã ?
Um era exatamente o contrário do outro.
Onde ele via oportunidades, ela via problemas.
O que o deixava satisfeito, a ela deixava descontente.
Uma luminosa manhã e ele exclamou:
- Olhe que bonito céu! Você viu que amanhecer glorioso?
- Ora, ela respondeu.
Ficará tão quente quequeimará toda a colheita!
Durante uma tarde chuvosa, ele comentou,- Isto não é maravilhoso?
Hoje a mãe natureza estádando o que beber ao milho!
- E se não parar logo , veio a resposta azeda,
vamos nos arrepender por não ter feito seguro contrainundação nas colheitas!
Convencido que ele poderia melhorar um pouco aquela atitude endurecida, ele comprou um cachorro notável.
Não um vira-lata qualquer, mas o cachorro mais caro,altamente treinado e talentoso que ele pudesse encontrar.
O animal era primoroso!
Poderia executar tantos feitos notáveis e impossíveis que, pensou ofazendeiro, seguramente vai impressionar até mesmo sua vizinha.
Assim ele a convidou a assistir as ações de seu cachorro.
- Vá buscar!
Ele comandou lançando uma vara em um lago e a vara flutuou, subindo e descendo na ondulação da água.
O cachorro, esperto, aguardou que a vara se aproximasse da margem, caminhou pela água e recuperou a vara.
- Viu que cão esperto?
O que você acha disto?
Ele perguntou entusiasmado e sorrindo.
- Hummm, ela carranqueou.
Ele não sabe nadar, não é?
Às vezes eu penso que pensamento negativo é a doença mais contagiosa do mundo.
Mais contagiosa do que qualquer vírus conhecido, e da mesma maneira mortal.
Mas uma boa atitude de otimismo e maravilha também pode ser contagioso!
Qual você está espalhando hoje?


Steve Goodier
Tradução: Sergio Barros

29 de mar de 2008

A FOGUEIRA


O mestre encontrou-se com os discípulos certa noite e pediu para que acendêssem uma fogueira, para que pudessem conversar.
-"O caminho espiritual é como o fogo que arde adiante de nós."
-disse ele.
-"Um homem que deseja acendê-lo, tem que se conformar com a fumaça desagradável que torna a respiração difícil e arranca lágrimas do rosto.
Assim é a reconquista da fé.
Entretanto, uma vez o fogo aceso a fumaça desaparece e as chamas iluminam tudo ao redor nos dando calor e calma."
-"E se alguém acendê-la para nós?"
-perguntou um dos discípulos.
-"E se alguém nos ajudar a evitar a fumaça?"
-"Se alguém fizer isto, é um falso mestre.
Que pode levar o fogo para onde tiver vontade ou apagá-lo na hora que quiser.
E como não ensinou a acendê-lo, é capaz de deixar todo mundo na escuridão..."

28 de mar de 2008

O SOL BRILHA MAIS ALÉM...

Alguma vez já pensou aonde vão as águias quando a tormenta vem? Onde é que elas se escondem? Elas não se escondem. Abrem suas asas que podem voar a uma velocidade de até 90km/h, e enfrentam a tormenta. Elas sabem que as nuvens escuras, a tempestade e os choques elétricos podem ter uma extensão de 30 a 50m, mas lá em cima brilha o sol.
Nessa luta terrível podem perder penas, podem se ferir, mas não temem e seguem em frente. Depois, enquanto todo mundo fica às escuras embaixo, elas voam vitoriosas e em paz, lá em cima. Finalmente, as águias também morrem, mas alguma vez você achou por aí um cadáver de águia? De galinha talvez, de cachorro ou de pombo, quem sabe até de um bicho de mato nessa extensas estradas de reserva ecológica, mas cadáver de águia você não encontra.
Sabe por quê ? Porque quando elas sentem que chegou a hora de partir, não se lamentam nem ficam com medo. Procuram com seus olhos o pico mais alto, tiram as últimas forças de seu cansado corpo e voam aos picos inatingíveis e aí esperam resignadamente o momento final. Até para morrer elas são extraordinárias.
Talvez por isso o profeta Isaías compara os que confiam no Senhor com águias. Quem sabe hoje você tem diante de si um dia cheio de desafios. Alguns deles podem parecer impossíveis de ser vencidos, mas lembre-se: descanse no Senhor, passe o tempo com Ele e depois parta para a luta, sabendo que depois daquela tormenta brilha o sol. “Mas os que esperam no Senhor, renovam as suas força.

Maktub

27 de mar de 2008

A DOR

A dor é uma lição a ser aprendida.
Prestando atenção à dor, podemos superá-la.
É doloroso tocar um ferro quente.
Se você deixar de aprender pela experiência, a dor vai voltar cada vez que tocar o ferro quente. Quando você aprende a lição que a dor tem para lhe ensinar e evita tocar no ferro quente, nunca mais terá que sentir essa dor.
O que você pode aprender com a dor?
Em toda dor existe uma lição.
Às vezes, a lição é evitar os erros.
Outras vezes, a lição é aprender a aceitar, valorizar e triunfar sobre os desafios que encaramos.
Você já aprendeu que tudo tem seu preço?
Ou a dor ainda está tentando lhe ensinar isso?
Você já aprendeu a viver com propósito e foco?
Ou ainda está sofrendo a dor de aprender essa lição?
Liberte-se da dor aprendendo o que ela tem a lhe ensinar.

Recebido do Portal http://www.diabetenet.com.br/

26 de mar de 2008

TODOS ESSES ANOS

As duas filhas da minha amiga Debbie estavam no ginásio quando ela teve fortes sintomas de gripe.
Debbie visitou seu médico, que disse a ela que o vírus da gripe não passou nem perto, ao contrário, ela tinha sido atingida pelo "vírus do amor" e estava grávida.
O nascimento de Tommy, um filho saudável, bonito, era evento para celebrar, e com o passar do tempo, parecia que cada dia trazia uma outra razão para comemorar o presente que era a vida de Tommy. Era doce, calmo e alegre.
Um dia, quando Tommy tinha aproximadamente cinco anos, ele e Debbie passeavam por uma alameda na vizinhança, e como é o jeito das crianças, assim do nada, Tommy perguntou,- Mãe, quantos anos você tinha quando eu nasci?
- Trinta e seis, Tommy. Por quê? Debbie perguntou, curiosa com o que se passava por sua cabecinha.
- Que pena! Tommy respondeu.- O que você quer dizer? Debbie indagou, mais curiosa ainda.Olhando-a com seus olhinhos cheios de amor, Tommy disse,- Nada! Eu só estava pensando em todos os anos que perdemos sem nos conhecermos.

(Tradução de Sergio Barros do texto de Alice Collins)
Fonte desta Reflexão:
http://www.rivalcir.com.br/mensagemdia2002/mar26.html
inserida no ar em 26/03/2002

23 de mar de 2008

RISCO

RISCO
As pessoas são irracionais, ilógicas e egocêntricas.
Ame-as mesmo assim.
Se você tem sucesso em suas realizações, ganhará falsos amigos e verdadeiros inimigos.
Tenha sucesso mesmo assim.
O bem que você faz será esquecido amanhã.
Faça o bem mesmo assim.
Aquilo que você levou anos para construir, pode ser destruído de um dia para o outro.
Construa mesmo assim.
A honestidade e a franqueza o tornam vulnerável.
Seja honesto mesmo assim.
Se você der ao mundo e aos outros o melhor de si mesmo, você corre o risco de se machucar.
Dê o que você tem de melhor mesmo assim.


Madre Tereza de Calcutá

22 de mar de 2008

TODO CASAL DEVERIA LER

"Por mais que o poder e o dinheiro tenham conquistado uma ótima posição no ranking das virtudes, o amor ainda lidera com folga.
Tudo o que todos querem é amar.
Encontrar alguém que faça bater forte o coração e justifique loucuras.
Que nos faça entrar em transe, cair de quatro, babar na gravata.
Que nos faça revirar os olhos, rir à toa, cantarolar dentro de um ônibus lotado.
Tem algum médico aí??Depois que acaba esta paixão retumbante, sobra o que? O amor.
Mas não o amor mistificado, que muitos julgam ter o poder de fazer levitar.
O que sobra é o amor que todos conhecemos, o sentimento que temos por mãe, pai, irmão, filho. É tudo o mesmo amor, só que entre amantes existe sexo.
Não existem vários tipos de amor, assim como não existem três tipos de saudades, quatro de ódio, seis espécies de inveja.
O amor é único, como qualquer sentimento, seja ele destinado a familiares, ao cônjuge ou a Deus.
A diferença é que, como entre marido e mulher não há laços de sangue, a sedução tem que ser ininterrupta.
Por não haver nenhuma garantia de durabilidade, qualquer alteração no tom de voz nos fragiliza, e de cobrança em cobrança acabamos por sepultar uma relação que poderia ser eterna.
Casaram.
Te amo prá lá, te amo prá cá. Lindo, mas insustentável.
O sucesso de um casamento exige mais do que declarações românticas.
Entre duas pessoas que resolvem dividir o mesmo teto, tem que haver muito mais do que amor, e às vezes nem necessita de um amor tão intenso.
É preciso que haja, antes de mais nada, respeito.
Agressões zero.
Disposição para ouvir argumentos alheios.
Alguma paciência.
Amor, só, não basta.
Não pode haver competição.
Nem comparações.
Tem que ter jogo de cintura para acatar regras que não foram previamente combinadas.
Tem que haver bom humor para enfrentar imprevistos, acessos de carência, infantilidades.
Tem que saber levar.
Amar, só, é pouco.
Tem que haver inteligência.
Um cérebro programado para enfrentar tensões pré-menstruais, rejeições, demissões inesperadas, contas pra pagar.
Tem que ter disciplina para educar filhos, dar exemplo, não gritar.
Tem que ter um bom psiquiatra.
Não adianta, apenas, amar.
Entre casais que se unem visando a longevidade do matrimônio tem que haver um pouco de silêncio, amigos de infância, vida própria, um tempo pra cada um.
Tem que haver confiança.
Uma certa camaradagem, às vezes fingir que não viu, fazer de conta que não escutou.
É preciso entender que união não significa, necessariamente, fusão. E que amar, "solamente", não basta.
Entre homens e mulheres que acham que o amor é só poesia, tem que haver discernimento, pé no chão, racionalidade.
Tem que saber que o amor pode ser bom, pode durar para sempre, mas que sozinho não dá conta do recado.
O amor é grande mas não é dois.
Um bom Amor aos que já têm!
Um bom encontro aos que procuram!
E felicidades a todos nós!"

(Arthur da Tavola)
(Colaboração de Carolina Gogola)

21 de mar de 2008

A CANOA

Em um largo rio, de difícil travessia, havia um barqueiro que atravessava as pessoas de um lado para outro.
Em uma das viagens, iam um advogado e uma professora.
Como quem gosta de falar muito, o advogado pergunta ao barqueiro: Companheiro, você entende de leis?
Não –
Responde o barqueiro.
E o advogado compadecido:
É pena, você perdeu metade da vida!
A professora muito social entra na conversa:
Seu barqueiro sabe ler e escrever?
Também não – Responde o remador.
Que pena! – Condoi-se a mestra! –
Você perdeu metade da vida!
Nisso chega uma onda bastante forte e vira o barco.
O canoeiro preocupado, pergunta:
Vocês sabem nadar?
Não! – Respondem eles rapidamente.
Então é uma pena – Concluiu o barqueiro –
Vocês perderam toda a sua vida!”
"Não há saber mais ou saber menos: Há saberes diferentes!"
Pense nisso e valorize todas as pessoas com as quais tenha contato.
Cada uma delas tem algo diferente para nos ensinar...

enviado pelo portal http://www.diabetenet.com.br/
(( Paulo Freire ))

19 de mar de 2008

OS DIAS PASSAM...

Os dias passam
Os dias passamvão-se as flores, vêm os vento se tudo continua sempre igual
Mesmos rostos, mesmos sentimentose o mesmo final
Foi-se o tempo do coração partido que hoje não é mais de vidro, é de pedra
E no lugar de um amor perdido
Há apenas indiferença...sem espera.
O que aconteceucom o garoto dos mil sonhos dourados
Que acreditava que nada era impossível?
Cresceu...E de tanto ve-los destroçados
Não consegue mais sonhar...
E os dias passam,lá fora chove cada noite é sempre igual...
Mas no coração há um único pedido
Não pela volta da alegria, da paz ou amor desconhecido
Mas por voltar á ser capaz...
De acreditar.

Enviado pelo scrap(orkut) de Edilson
(( Desconhecido a autoria )

18 de mar de 2008

DE VALOR AOS HUMILDES

Valor aos Humildes
Durante meu primeiro ano da faculdade, nosso professor nos deu um questionário.
Eu era bom aluno e respondi rápido todas as questões até chegar a última:
"Qual o primeiro nome da mulher que faz a limpeza da escola?".
Sinceramente, isso parecia uma piada.
Eu já tinha visto a tal mulher várias vezes.
Ela era alta, cabelo escuro, lá pelos seus 50 anos, mas como eu ia saber o primeiro nome dela?
Eu entreguei meu teste deixando essa questão em branco e um pouco antes da aula terminar, um aluno perguntou se a última pergunta do teste ia contar na nota.
"É claro!", respondeu o professor.
"Na sua carreira, você encontrará muitas pessoas.
Todas têm seu grau de importância.
Elas merecem sua atenção mesmo que seja com um simples sorriso ou um simples "alô".
Eu nunca mais esqueci essa lição e também acabei aprendendo que o primeiro nome dela era Dorothy.
Obs.: Você pode e deve ser importante, mas o mais importante é o respeito ao próximo e o valor que você dá aos humildes.

Autor desconhecido
Enviado por Flávio - Goiânia - Go

BLOGREFLITASEMPRE@GMAIL.COM

17 de mar de 2008

A GRANDEZA DO SILÊNCIO

O silêncio é doçura:
Quando não respondes às ofensas,Quando não reclamas os teus direitos,Quando deixas à Deus a defesa da tua honra.
O silêncio é misericórdia:
Quando te calas diante das faltas de teus irmãos,Quando perdoas sem remoer o passado,Quando não condenas, mas intercedes em segredo.
O silêncio é paciência:
Quando sofres sem te lamentares,Quando não procuras consolação junto aos homens,Quando não intervéns, esperando que a semente germine lentamente.
O silêncio é humildade:
Quando te apagas para deixar aparecer teu irmão,Quando, na discrição, revelas dons de Deus,Quando suportas que tuas ações sejam mal interpretadas,Quando deixas os outros a glória da obra inacabada.
O silêncio é fé:
Quando te apagas, sabendo que é Ele quem age...
Quando renuncias às vozes do mundo para permanecer na Sua presença...
Quando te basta que só Ele te compreenda.


Autor desconhecido
ENVIADO Pela amiga Heleninha - PE

16 de mar de 2008

BOM DOMINGO

"Sou apenas um lápis nas mãos de Deus, e é Ele quem me escreve."
Fiquei pensando:
"Por que um lápis e não uma caneta?"
O lápis por si é mais simples do que a caneta, e uma característica
dele é que quando a sua ponta quebra ou está acabando,
podemos apontá-la novamente, e ao errarmos ao escrever, damos um jeito de apagar.
Ao passo que a caneta, ao acabar a tinta, por mais bela que seja, geralmente, é jogada fora e também não conseguimos apagar a sua escrita.
Deus vai nos "apontando" na escrita da vida.
Quanto mais somos "apontados", tanto melhor fica a escrita.
Não é fácil passarmos por este processo, mas a nobreza do lápis está em se deixar gastar para servir da melhor maneira possível.
O Senhor até poderia escrever a nossa história à caneta,
só que, muitas vezes, nós a pegamos para escrever e
"escrevemos errado", ou seja, quando não fazemos as escolhas
certas, e isso traz sérias conseqüências para a nossa vida.
Fique com Deus!!
Retirado do Scrap da amiga Betariz (Orkut)
(( Desconhecido a autoria do texto))

14 de mar de 2008

NOSSOS VIDEOS NO YOUTUBE

Não deixe de ver nossos videos no youtube

PARTE 1 -- PARTE 2

Vale a pena..
lindos pps que recebemos e transformamos em
videos para o youtube e também para serem
assistidos na TV.

BLOGREFLITASEMPRE@GMAIL.COM

ENERGIA

Há pessoas que doam e pessoas que tomam.
Se nos falta força espiritual ficamos suscetíveis
à energia negativa dos outros.
Mas todos que se tornam espiritualmente despertos são capazes
de irradiar uma energia benéfica com forte poder transformador.
Considere amigos aqueles cuja energia brilhante eleva você -
eles doam sem saber.
Contrariamente, você conhecerá outras pessoas cujas energias
negativas poderão drená-lo ou exaurí-lo, se você permitir...


(( Mike George ))
Discover Inner Peace, Duncan Baird Publishers, London, 1999
Enviado por Flavio - Goiás


13 de mar de 2008

HOJE NÃO...


Enviado por Scrap
( Orkut)
pela amiga
Lourdes.

HOJE

Se chover, seja feliz com a chuva que molha os campos, varre as ruas elimpa o ar...
Se fizer sol, aproveite o calor.
Se houver flores em seu jardim,aproveite o perfume.
Se tudo estiver seco, aproveite paracolocar as mãos na terra, plantas sementes
e aguardar a floração...
Hoje não arrume desculpas...
Seja feliz de qualquer jeito !!
Lembre-se de que a única fonte de felicidade está dentro de nós e deve ser repartida.
Repartir nossas alegrias é como espalhar
perfume sobre os outros...
sempre algumas gotas acabam caindo sobre nós.


Retirado de Scraps no Orkut de um amigo...
não citado a a fonte da autoria

12 de mar de 2008

RISCO - MADRE TEREZA DE CALCUTÁ







Risco (Madre Tereza de Calcutá)
Musica: Bosque das águas - CD Água
Locução: Flávio

ESCOLHA OBVIA

E se alguém que tivesse um poder sobrenatural lhe desse a escolha
entre uma vida de sucesso econômico, boa saúde e realização profissional,
e uma vida com doenças, pobreza e desespero?
O que você escolheria?
E se uma simples escolha, sem nenhum outro esforço de sua parte,
fosse o suficiente para que você vivesse a vida que sempre desejou?
A verdade é que você tem escolha.
Pensar positivamente demanda o mesmo esforço que pensar negativamente.
Seus pensamentos criam a realidade.
Você pode escolher enxergar-se como alguém sem valor e ter
pensamentos que o levarão a uma vida de desespero.
Ou então, você pode reconhecer que é digno do melhor que a vida
pode oferecer e encher sua mente com pensamentos positivos,
que tornarão todo o seu potencial uma realidade.
Claro que a vida é dura.
Cada dia é cheio de desafios.
Se esses desafios irão derrotá-lo ou levá-lo à grandeza,
é você quem decide.

Enviado pelo Portal diabetenet.com
autoria não citada

10 de mar de 2008

DESCANSA

Reflita Sempre
Texto enviado por PPS
pela amiga Olga - EUA
Locução: Flávio Jr

TRANSFERÊNCIAS

Transferências ...
Vivemos num mundo de transferências,se pudermos,
transferimos nossos problemas,arrumamos culpados pelo nosso fracasso,transferimos nossa felicidade
para outras mãos,nos transformamos em vítima
na primeira dor.
E é difícil não ser assim,porque viver e assumir riscos
é complicado,é preciso mais do que coragem,é preciso amar-se de verdade.
Eis ai a chave para a sua libertação:
Goste-se!
Sinta prazer de estar em sua companhia!
Saiba de cor e salteado às
suas qualidades,ressalte seus dons, seja sábio:
ouça mais do que fala,não se compare com ninguém,tenha metas arrojadas,tenha em mente o que deseja.

Preste atenção em você, no seu corpo,cuide dos seus pensamentos,
cuido do seu nível de amor.

Respeite-se!

Tudo começa e termina em você.
Por isso, comemore-se!
Vibre com cada pequena conquistae não desista de tentar,quantas vezes a vida pedir,
diga: presente!
Diga bem alto para a felicidade:
"eu estou aqui!"

Sabedoria é seguir tentando,com respeito, humildade e paz,sabendo-se merecedor,a vida te reconhecerá assim.

TEXTO: Paulo Roberto Gaefke
enviado por Walter - SP

7 de mar de 2008

CONSELHOS PARA CRIAR FILHOS

Se eu tivesse meu filho para criar de novo,
Eu pintaria mais com meus dedos e apontaria muito menos com eles.
Eu passaria menos tempo corrigindo e mais tempo conversando.
Eu tiraria meus olhos do meu relógio e prestaria mais atenção em quão rápido o tempo está se passando.
Eu me importaria em saber menos, e saberia me importar mais.
Eu passaria mais tempo brincando com eles.
Eu ficaria menos sério e me divertiria mais.
Eu correria mais com eles e olharia mais as estrelas.
Eu seria menos firme, mas, firmaria mais meu amor por eles.
Eu reformaria a auto estima, e deixaria a reforma da casa para depois.
Eu amaria menos a força, e viveria mais a força do amor.


(( Autor desconhecido ))
Enviado por Thays Siqueira - Andradina _ SP

6 de mar de 2008

POR QUE?

Não importa o que você faça, lembre-se do porquê de estar fazendo.
Isso o manterá centrado e motivado.
Manter o “porquê” em mente colocará as coisas em perspectiva.
Às vezes ficamos tão obcecados com os detalhes da vida, que esquecemos as próprias razões. Acabamos acostumando com hábitos e padrões e os perpetuamos porque eles são
"confortáveis".
Lembrar regularmente dos porquês, muitas vezes, é abrir novas opções e possibilidades.
Se um obstáculo está bloqueando seu caminho, pergunte-se por que você está querendo se desviar dele.
Isso tira o foco do obstáculo e permite que você se concentre no objetivo.
Lembre-se que pode haver uma maneira totalmente diferente de chegar lá.
O que você está fazendo hoje?
Por quê?
Saber o porquê, quando ele tem importância para você, ajuda a seguir em frente, não importa o que aconteça.

Enviado pelo portal http://www.diabetenet.com.br/

não divulgado a autoria

4 de mar de 2008

ATO DE AMOR

Você já realizou um ato gratuito de amor hoje ?
Pode parar de se espantar!
Tenho certeza que de alguma maneira sim!
Quer ver?
São aqueles pequenos, mas significativos gestos que realizamos para pessoas muito próximas, ou para quem muitas vezes nem conhecemos, e que ao realiza-los, não custa absolutamente nada! Como por exemplo:
Abrir a porta de um estabelecimento para um usuário de cadeira de rodas.
Não custa nada!
Ceder o lugar num ônibus lotado para uma pessoa de mais idade, uma senhora grávida.
Um telefonema para um amigo(a) com qual rompemos por bobagens e dizer-lhe:Olha fulano, você é legal me desculpe!
Lembrar de alguém e dizer o quanto é importante!
Que tal elogiar o porteiro do seu prédio pelos constantes favores que presta a você?
Um presentinho para um filho, para mãe, pai, irmão, sem um motivo especial como aniversário, natal, ou outra data, que costumam merecer presentes.
Dar passagem a um carro num cruzamento e sorrir para o motorista.
Que tal o dia de folga para seu assistente, sem descontar seu salário é claro.
Que tal convidar um amigo ou uma amiga para uma sessão de cinema e um chá ou café logo após?
Se auto-presentear, com um livro, cd, um chocolate ou uma massagem relaxante, só por que você sentiu-se especial hoje!
São pequenos gestos, que podem e fazem do seu dia um dia especial e conseqüentemente você uma pessoa especial.
Experimente.
Tenho certeza que o seu dia e de outras pessoas será inesquecível.
Por isso estou aqui para desejar-lhe que hoje seja um Bom Dia de verdade como um pequeno gesto gratuito de Amor...
"O pior pecado contra nosso semelhante não é o de odiá-los,
mas de ser indiferentes para com eles"


(Bernard Shaw)
Enviado por Flávio Jr - Goiás

3 de mar de 2008

BENJAMIN FRANKLIM

Faça como os passarinhos.
Comece o dia cantando.
A música é o alimento para o espírito.
Cante qualquer coisa, cante desafinado, mas cante!
Cantar dilata os pulmões e abre a alma para tudo de bom que a vida tem por oferecer.
Se insistir em não cantar, ao menos ouça muita música e deixe-se absorver por ela.
Ria da vida.
Ria dos problemas.
Ria de você mesmo.
Ria das coisas boas que lhe acontecem.
Ria das besteiras que fez.
Não se deixe abater pelos problemas.
Se você se convencer de que está bem, vai acabar acreditando e se sentindo bem.
Leia coisas positivas.
Leia bons livros, poesias, pois a poesia é a arte de aceitar a alma.
Pratique algum esporte.
Você certamente vai se sentir bem disposto(a), mais animado(a) e mais jovem.
Encare suas obrigações com satisfação.
É maravilhoso quando se gosta do que faz.
Ponha amor em tudo o que estiver ao seu alcance.
Não viva emoções mornas, próprias de pessoas mornas.
Não deixe as oportunidades que a vida oferece.
Elas não voltam.
Nenhuma barreira é intransponível se você estiver disposto a lutar.
Não deixe que os problemas acumulem.
Resolva-os logo!
Fale.
Converse.
Escute.
O que mata é o silêncio e o rancor.
Exteriorize tudo, deixe que as pessoas saibam que você as estima, as ama, precisa delas, principalmente em família.
Amar não é vergonha.

(( Benjamin Franklin ))
Enviado pelo portal http://www.diabetenet.com.br/

2 de mar de 2008

BOM DOMINGO...

A cada dia que vivo,
mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor
que não damos,
nas forças que não usamos,
na prudência egoísta que nada arrisca,
e que,
esquivando-nos do sofrimento,
perdemos também a felicidade.
"Que seu domingo seja iluminado!
enviada por Ana Paula Ferreira de Souza Duarte.
Para ver o perfil de Ana Paula, CLIQUE AQUI:

1 de mar de 2008

TAPETE VERMELHO

Uma pobre mulher morava em uma humilde casinha com sua neta muito doente.
Como não tinha dinheiro sequer para levá-la a um médico, e vendo que, apesar de seus muitos cuidados e remédios com ervas, a pobre criança piorava a cada dia, resolveu iniciar a caminhada de 2 horas até a cidade próxima em busca de ajuda.
Chegando no único hospital público da região foi aconselhada a voltar pra casa e trazer à neta junto, para que esta fosse examinada.
Quando ia voltando, já desesperada por saber que sua neta não conseguia sequer levantar da cama, a senhora passou em frente a uma Igreja e como tinha muita fé em Deus, apesar de nunca ter entrado em uma Igreja, resolveu pedir ajuda.
Ao entrar, encontrou algumas senhoras ajoelhadas no chão fazendo orações.As senhoras receberam a visitante e, após se inteirarem da história, a convidaram para se ajoelhar e orar pela criança.
Após quase uma hora de fervorosas orações e pedidos de intercessão ao Pai, as senhoras já iam se levantando quando a mulher lhes disse:
- Eu também gostaria de fazer uma oração.
Vendo que se tratava de uma mulher de pouca cultura, as senhoras retrucaram:
- Não é necessário. Com nossas orações, com certeza sua neta irá melhorar.
Ainda assim a senhora insistiu em orar, e começou. Deus, sou eu, olha, a minha neta está muito doente Deus, assim eu gostaria que você fosse lá curar ela Deus, você pega uma caneta que eu vou dizer onde fica.
As senhoras estranharam, mas continuaram ouvindo.
- Já está com a caneta Deus? Você vai seguindo o caminho daqui de volta pra Belo Horizonte e quando passar o rio com a ponte você entra na segunda estradinha de barro, não vai errar tá.
A esta altura as senhoras já estavam se esforçando para não rir; mas ela continuou.
- Seguindo mais uns 20 minutinhos tem uma vendinha, entra na rua depois da mangueira que o meu barraquinho é o último da rua, pode ir entrando que não tem cachorro.
As senhoras começaram a se indignar com a situação.
- Olha Deus, a porta está trancada, mas a chave fica embaixo do tapetinho vermelho na entrada, o senhor pega a chave, entra e cura a minha netinha.
Mas olha só Deus, por favor! Não esquece de colocar a chave de novo embaixo do tapetinho vermelho senão eu não consigo entrar quando chegar em casa...
A esta altura as senhoras interromperam aquela ultrajante situação dizendo que não era assim que se deveria orar, mas que ela poderia ir pra casa sossegada pois elas eram pessoas de muita fé, e Deus, com certeza, iria ouvir as preces e curar a menina.
A mulher foi pra casa um pouco desconsolada, mas ao entrar em sua casinha sua neta veio correndo lhe receber.
- Minha neta, você está de pé, como é possível!
E a menina explicou.
- Eu ouvi um barulho na porta e pensei que era a senhora voltando, porém entrou um homem muito alto com um vestido branco em meu quarto e mandou que eu levantasse, não sei como, eu simplesmente levantei.
E quase em prantos, a menina continuou.
- Depois ele sorriu, beijou minha testa e disse que tinha de ir embora, mas pediu que eu avisasse a senhora que ele ia deixar a chave embaixo do tapetinho vermelho...
Um pouco de fé, leva-nos até Deus!
Muita fé traz Deus até nós!

Desconheçemos a autoria..
enviado pela amiga MEG/SP