25 de ago de 2008

Para tudo
Há uma época
E um momento para cada propósito, sob o céu
Um momento para nascer, um momento para morrer
Um tempo para plantar, um momento para colher
Um momento para matar, um momento para curar
Um momento para rir, um momento para chorar
Para tudo
Há uma época
E um momento para cada propósito, sob o céu
Um momento para edificar, um momento para desmoronar
Um momento para dançar, um momento para se condoer
Um momento para livrar-se de pedras, um momento para reunir pedras
Para tudo
Há uma época
E um momento para cada propósito, sob o céu
Um momento para amor, um momento para ódio
Um momento de guerra, um momento de paz
Um momento em que você deve abraçar, um momento para abster-se de abraçar
Para tudo
Há uma época
E um momento para cada propósito, sob o céu
Um momento para ganhar, um momento para perder
Um momento para rasgar, um momento para costurar
Um momento para amar, um momento para odiar
Um momento para paz, eu juro que não é tarde demais


Enviado pelo amigo
Roberts - Belem - PA

( Desconhecido a autoria )



=====================================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu