7 de jan de 2009

Diz a lenda que, certa vez, um homem caminhava
pela praia numa noite de lua cheia.
Pensava desta forma:
"Se tivesse uma casa grande, seria feliz.",
"Se tivesse um excelente trabalho, seria feliz.",
"Se tivesse uma companheira perfeita, seria feliz.".

Nesse momento, tropeçou numa sacolinha cheia de pedras.
Teve uma idéia: começou a jogá-las, uma a uma, ao mar,
cada vez que dizia "Seria feliz se tivesse...".
Assim o fez, até que a sacolinha ficou com uma só pedrinha,
que decidiu guardá-la.

Ao chegar em casa, percebeu que aquela pedrinha
tratava-se de um diamante muito valioso.

Você imaginou quantos diamantes jogou ao mar sem parar para pensar?
Quantos de nós vivemos jogando fora nossos preciosos tesouros
por estarmos esperando o que acreditamos ser perfeito
ou sonhando e desejando o que não temos, sem dar valor
ao que temos perto de nossas mãos?

Olhe ao seu redor e, se você parar para observar,
perceberá quão afortunado você é.
Muito perto de você está tua felicidade.

Observe a pedrinha, que pode ser um diamante valioso.
Cada um de nossos dias pode ser considerado um diamante
precioso e insubstituível.
Depende de você aproveitá-lo ou lançá-lo ao mar
do esquecimento, para nunca mais recuperá-lo.

(( Autor anônimo ))



=================================================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu