17 de dez de 2010

Administração do tempo

A essência das melhores idéias na área de administração do tempo pode ser capturada em uma única frase: “organize e execute conforme a prioridade”. O gerenciamento pessoal se desenvolveu de acordo com um padrão similar a muitas outras áreas do conhecimento humano.

Saltos importantes em termos de desenvolvimento sucedem-se periodicamente, acrescentando uma nova dimensão vital. Por exemplo, no desenvolvimento social, a revolução agrícola foi seguida pela revolução industrial, que foi seguida pela revolução da informática. Cada “onda” que chega cria um momento de progresso social e pessoal.

Na área da administração do tempo, as coisas acontecem de maneira similar – cada geração se apóia na geração anterior, cada uma delas se move em direção a um controle maior da vida. A primeira geração se caracterizou por bilhetes e listas, a segunda pelos calendários e agendas, e a terceira reflete o campo de administração do tempo atual.

Ela adiciona às gerações anteriores a importante idéia de prioridade, de esclarecimento de valores e comparação do peso relativo das atividades. Além disso, ela se concentra em estabelecer metas específicas de curto, médio e longo prazo, em cuja direção o tempo e a energia são direcionados. Inclui também o conceito do planejamento diário, da elaboração de um plano específico para a conquista dessas metas e as atividades consideradas mais valiosas.

Mas apesar de sua contribuição significativa, as pessoas começaram a perceber que a elaboração de agendas eficientes e o controle excessivo do tempo são improdutivos. Isso porque a concentração freqüente na eficácia gera expectativas que entram em conflito com as oportunidades de desenvolver relacionamentos mais ricos, de satisfazer as necessidades humanas e de desfrutar momentos espontâneos diariamente.

Assim, começa a surgir uma quarta geração cujo desafio não é gerenciar o tempo, mas a pessoa. Em vez de focalizar a atenção nas coisas e no tempo, as atenções da quarta geração se voltam para a preservação e melhoria dos relacionamentos e a obtenção de resultados.

Stephen R. Covey, no livro "Os 7 Hábitos das pessoas altamente eficazes"


===========================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu