14 de jul de 2012

O HUMOR...



            O humor é uma grande arma contra todos os percalços do dia-a-dia. Com bom humor fazemos mais amigos, somos lembrados por todos com carinho e afeição e os problemas tornam-se mais fáceis de resolver. O dia passa mais alegre e o sono chega muito mais tranqüilo.
            - Acorde sorrindo para a vida. Para que acordar com o pé esquerdo?
Antes de sair da cama, lembre-se de um momento gostoso e/ou alegre, faça uma mentalização/oração. Melhore seu astral logo de cara, e deixe a cara feia em casa, bem escondidinha.
            - O trânsito não é só caos, engarrafamento, trânsito lento, um calor insuportável. Será que é só isso que você consegue imaginar dentro do seu carro ou na condução?
            É difícil, mas procure abrir os olhos e enxergar mais longe...mais além.
Veja os detalhes arquitetônicos daquela igreja antiga no final da avenida, veja a vida palpitando nas árvores, sinta a própria alegria que o dia, ensolarado ou nublado, irradia, ou pense na sua própria vida, nas coisas agradáveis que ela tem lhe proporcionado ou, ainda, ligue o rádio/walk- man e curta aqueles minutos/horas como se você tivesse planejado passar uma hora de lazer, apenas ouvindo música.
            Você vai se surpreender ....
            - Nos relacionamentos: no começo do namoro o bom humor é fundamental, é a regra número um e todos a seguem. Mas depois a coisa muda. Pois não deixe o bom humor acabar: é o primeiro passo para que a paixão perca força e o amor a poesia. Desmantele a rotina com o seu sorriso

Igualmente no trato com os amigos, conhecidos e com pessoas que cruzam pelo seu caminho: contamine-os com sua alegria.
            -E sorria à distância - Bom humor não é bom somente para as pessoas que estão fisicamente perto de você. Por isso, ao atender alguém, ao telefone/celular , sorria - mesmo antes de dizer "alô".

Quem estiver do outro lado não vai ver o seu rosto, mas sentirá seu sorriso na voz, saberá que você está de bem com a vida, sentir-se-á bem recebido e, certamente, terá mais prazer em dizer o que pretende.
           
-Enfim, sorria sempre!



Colabora: Marlene Serruya

============================================================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu