25 de out de 2012

TUDO O QUE VIVE NÃO VIVE SOZINHO, NEM PRA SI MESMO.



            Guarde nos olhos a certeza de que o amor existe e está ao alcance de cada um de nós. Guarde no coração a beleza de uma manhã de sol, rasgada pelo nevoeiro típico do outono. Guarde na memória todos os momentos interessantes  pelos quais já passou na vida, ainda que tenham sido raros. Faça um esforço para ser mais feliz, ainda que esteja difícil.
            Não se esqueça nunca do primeiro beijo, do primeiro olhar apaixonado, da primeira vez em que se interessou de forma diferente por alguém.
            Considere como aprendizado até os momentos de profunda tristeza: mais cedo ou mais tarde, você pode reverter a situação e dar boas risadas de tudo isso.
"Dizem que a vida é curta, mas não é verdade. A vida é longa para quem consegue viver pequenas felicidades. E essa tal felicidade anda por aí, disfarçada, como uma criança traquina  brincando de esconde-esconde. Infelizmente às vezes não percebemos isso e passamos nossa existência colecionando nãos: a viagem que não fizemos, o presente que não demos, a festa que não fomos, o amor que não vivemos, o perfume que não sentimos. A  vida é mais emocionante quando se é ator e não espectador; quando se é piloto e não passageiro, pássaro e não paisagem, cavaleiro e não montaria.
            E como ela é feita de instantes, não pode nem deve ser medida em anos ou  meses, mas em minutos e segundos. Esta mensagem é um tributo ao tempo.
Tanto àquele tempo que você soube aproveitar no passado quanto àquele tempo que você não vai desperdiçar no futuro. Porque a vida é agora..."
"Não tenha medo do futuro, apenas lute e se esforce ao máximo para que ele seja do jeito que você sempre desejou"
            " A morte não é a maior perda da vida. A maior perda da vida é o que morre dentro de nós enquanto vivemos."  

(Norman Cuisins)

========================================

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu