24 de ago de 2014

O PREÇO DAS COISAS



Daniel Godri Junior

          Muitas pessoas querem ser bem sucedidas na família e nos negócios.           Muitos admiram aqueles que se tornaram profissionalmente reconhecidos, realizados e bem pagos. Muitos chamam estas pessoas de sortudos. Porém, poucos percebem que todas as coisas têm um preço. Sim, um preço. Com o sucesso profissional não é diferente.
          Embora nos jornais não apareçam o que os bons profissionais
precisaram suar, treinar e abdicar para chegarem ao topo, cada vez mais
percebo que ninguém vence uma corrida sem estar o suficientemente preparado.
Sorte, na verdade, não existe. Existem pessoas que aceitam pagar o preço do
sucesso pessoal e profissional. O preço de ser um bom palestrante, por
exemplo, é treinar muito, investir em cursos, ler muitos e bons livros, ter
coragem de enfrentar a platéia. Sem pagar o preço é muito improvável que
alguém venha a ser um palestrante de sucesso. Assim também acontece em
qualquer (qualquer mesmo) profissão da vida. A questão é: Eu quero pagar o
preço?
          Que preço eu prefiro pagar? Existe o preço de se estudar e se
aperfeiçoar. Ou seja, deixar o lazer de muitas noites, o futebolzinho, o
churrasco, o descanso. Também se existe o preço de não estudar. Ter menos
chances de emprego, ser passado para trás por ter poucas informações e
geralmente ganhar menos do que quem estudou.
          Muitos querem uma vida familiar
dos sonhos. Um casamento legal, um bom relacionamento com os filhos. Mas
isto também tem um preço, seja investir tempo com a família, abdicar de ter
sempre a razão, ser fiel ao cônjuge e aos filhos. Na verdade até para
escrever este artigo, tive que pagar um preço.
          Gastar alguns minutos, pensar um pouco. Mas o importante na verdade é perceber que tudo, tudo mesmo tem um preço. Qual deles você quer pagar? Pense a respeito.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu