2 de jun de 2015

REBEIJANDO A VIDA



Hoje, de repente, num estalo, veio-me a consciência
de quanto tempo já perdi, quanto deixei de viver para
afundar-me em lembranças de um passado que não pode ser mudado.
Lembrei-me de horas de sono que poderiam ter sido
tranqüilas se eu não estivesse me preocupando com coisas
assustadoras que acabaram não acontecendo.
Quantos bons alimentos deixei de ingerir por medo de
engordar ou sufocando-me com depressões,
ansiedades e desânimos que me roubaram o apetite!
Fiquei imaginando quantas grandes chances de sucesso
eu devo ter perdido por medo de arriscar.
Lembrei-me de economias que fiz, privando-me do que
desejava pelo tolo receio de dificuldades no futuro.
Quantas festas, passeios e diversões eu dispensei,
eu desprezei, porque senti vergonha de me apresentar!
Quantos novos amigos devo ter perdido toda vez que deixei
de ir para novos lugares e viver novas experiências!
Quantas vezes fiz a vontade dos outros, sufocando minha
própria vontade, meus anseios e sonhos de liberdade!
Que injustiça cometi comigo!
A liberdade é um presente de Deus!
Deixei-me aprisionar por angústias, dependências,
cobranças, medos e desconfianças!
Agora vem-me à consciência todo o trabalho que não fiz
por mim, por minha evolução, por meu progresso.
Quantas bênçãos deixei de ver, quanto desconfiei da Vida!
Hoje, de repente, num estalo, percebo que ainda é tempo!
É tempo ainda de ser Feliz e eu escolho ser feliz HOJE!
O passado já não terá poder sobre mim.
Eu não permitirei! aceito e confio no futuro que a Vida me reserva.
O que passou já passou ... o futuro Deus provê.
Hoje, com garra e vontade,
compartilho esta atitude de Amor e Paz com Você!

Wanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a mensagem acima que você leu